35mm / cor / 100 min / 1972

Reconstituição da Inconfidência Mineira que contesta versões oficiais sobre o episódio histórico. Com base nos Autos da Devassa, em poesias de Cecília Meireles e dos Inconfidentes, o filme trata da posição de intelectuais diante da prática de políticas revolucionárias.




 











PRÊMIOS

Prêmio Air France de Melhor Filme, 1972

Golfinho de Ouro, Rio de Janeiro, 1972

Prêmio do Comitê das Artes e Letras

Festival de Veneza, 1972


TEXTOS E ARTIGOS

Os Inconfidentes »
por José Carlos Avellar

Super-homem ou marginal? »
s/ ref.

A conspiração
malograda »

por Fernando Ferreira

FICHA TÉCNICA

Produção
Filmes do Serro; Grupo Filmes; Mapa Filmes S.A

Direção de produção
Carlos Alberto Prates Correia

Produtor associado
Mapa Filmes

Roteiristas
Joaquim Pedro de Andrade; Eduardo Escorel

Estória
Baseada em diálogos retirados de O Romanceiro da Inconfidência, de Cecília Meirelles, dos Autos da Devassa e em versos de Thomaz Antonio Gonzaga, Cláudio Manuel da Costa e Inácio José de Alvarenga Peixoto

Direção
Joaquim Pedro de Andrade

Direção de fotografia
Pedro de Moraes

Câmera
Pedro de Moraes

Direção de som
Juarez Dagoberto da Costa

Técnicos de som
José Tavares; Victor Raposeiro

Som direto
Juarez Dagoberto

Montagem
Eduardo Escorel

Cenografia / figurinos
Anísio Medeiros

Música (Genérico)
Marlos Nobre

Música:
Ari Barroso; Augustin Lara

Locação
Ouro Preto – MG


ELENCO

José Wilker
Luis Linhares
Paulo César Peréio
Fernando Torres
Carlos Kroeber
Nelson Dantas
Carlos Gregório
Fabio Sabag
Wilson Grey
Roberto Maya
Margarida Rey
Tereza Medina
Suzana Gonçalves
Zorah
Ricardo Teixeira de Salles
Benedito Silva
Marilia Pereira
Orlandino Seitas Fernandes
Helvecio Ferreira
José Aurélio Vieira

FOTOS















FILMES DO SERRO | Portfolio | Links | Contato
JOAQUIM PEDRO DE ANDRADE | Biografia | Filmografia | Entrevistas | Bibliografia
« volta

2004 © Filmes do Serro

» créditos